APRESENTAÇÃO

2a

O UNINOVAFAPI é uma Instituição de Ensino Superior (IES) mantida pela Sociedade de Ensino Superior e Tecnológico do Piauí que apresenta um forte crescimento na Região, atendendo a demanda na formação de profissionais de nível superior. O Centro Universitário UNINOVAFAPI tem

reconhecida competência, ofertando 15 (quinze) Cursos de Graduação, dos quais 14 (onze) são reconhecidos com ótimos referenciais de qualidade. Disponibiliza, à comunidade interna e externa, expressiva oferta de cursos de pós-graduação lato sensu, abrangendo, principalmente, as áreas relacionadas.

Iniciou seu Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em agosto de 2011, com a implantação do Programa de Mestrado Profissional em Saúde da Família, sendo o primeiro curso aprovado pela CAPES em uma instituição privada no Estado do Piauí. O currículo do curso é constituído por 5 disciplinas obrigatórias (19 créditos) e 7 disciplinas optativas (21 créditos). O aluno deverá cursar 19 créditos das disciplinas obrigatórias e no mínimo 12 créditos das disciplinas optativas, totalizando para conclusão 31 créditos, o que corresponde a 465 horas. Além disso, serão atribuídos 20 créditos em Trabalho de Conclusão de Mestrado (TCM), sendo 10 créditos para discussões dos projetos de pesquisa em grupos e 10 créditos para orientação dos docentes.aos cursos de graduação, incluindo uma especialização em Saúde da Família, desde março de 2006.

O UNINOVAFAPI consolida-se como Instituição de referência na região, tanto pela qualidade dos seus cursos e de suas ações acadêmicas quanto pelo resultado das avaliações realizadas pelos órgãos reguladores do MEC, com destaque para o desempenho na avaliação externa em 2009, resultando no Conceito Institucional 4 (quatro), conforme a Portaria de Recredenciamento da IES, N° 680 de 25 de maio de 2011.

Na implantação de seu projeto Institucional, o UNINOVAFAPI pauta-se em princípios que se constituem em referências para a consecução de um projeto focado no fortalecimento de relações de respeito às diferenças e no compromisso Institucional de democratização e acessibilidade ao saber, elementos decisivos no processo de construção da cidadania. Esse compromisso ainda se expressa em propostas que visam a progressiva integração do UNINOVAFAPI com a comunidade e ampliação da oferta de cursos, serviços e produção do saber por meio da realização de programas e projetos de ensino, pesquisa e extensão, que ofereçam oportunidades de desenvolvimento sócio-econômico, artístico, cultural, científico e tecnológico do Estado, da região e do país, fortalecendo, assim, o compromisso de apoio ao desenvolvimento e socialização do saber, superando dificuldades espaciais ou temporais e propiciando a acessibilidade ao ensino em um contexto social marcado pelo crescimento urbano acelerado que impõe enormes demandas sociais muito acima da capacidade de atendimento pela estrutura disponível.

Na perspectiva de fomentar o desenvolvimento da pós-graduação e pesquisa no âmbito do UNINOVAFAPI, são desenvolvidas as seguintes ações: oferecimento aos professores, dentre outros, incentivos como, bolsas de estudos para programas de doutorado, mestrado, especialização ou aperfeiçoamento; auxílio financeiro e operacional para participação em congressos, seminários, simpósios e eventos similares científicos, educacionais e culturais; cursos de treinamento e atualização profissional e divulgação e/ou publicação de teses, dissertações, monografias ou outros trabalhos acadêmicos ou profissionais de seu pessoal docente; estabelecimento de parcerias de cooperação interinstitucional, considerando a necessidade de pesquisa e publicação, a qualificação de pessoal e o intercâmbio científico-cultural, por meio de intercâmbio de pesquisadores e de professores, da organização de cursos, conferências, seminários e outras atividades de caráter acadêmico e científico, do intercâmbio de informação e de publicações pertinentes para os objetivos estabelecidos, execução do Plano de Capacitação Docente, na busca de promover a qualidade das funções de ensino, pesquisa, extensão do UNINOVAFAPI, por meio de cursos de pós-graduação, de treinamento e de atualização profissional, oportunizando aos seus professores e pessoal técnico-administrativo condições de aprofundamento e/ou aperfeiçoamento de seus conhecimentos científicos, tecnológicos e profissionais, estímulo constante e sistemático para a participação do docente do UNINOVAFAPI em grupos de pesquisa e eventos acadêmicos nacionais e internacionais, em conselhos editoriais de periódicos, em bancas examinadoras de Mestrado e Doutorado de outras IES.

A gestão e organização das pesquisas desenvolvidas são realizadas a partir do planejamento institucional anual de trabalho, dos editais de pesquisa, publicados desde 2008 e já financiado 50 pesquisas dos Grupos de Estudo da IES. Editais de iniciação científica publicados desde 2006, e já financiadas 140 bolsas do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica – PIBIC/UNINOVAFAPI, de critérios e rotinas para os trâmites relacionados à formação, cadastro e certificação dos grupos de pesquisa no Diretório de Grupos de Pesquisas do Brasil/CNPq e dos seminários mobilizadores e organizadores de todo o processo.

Um dos meios oficiais para divulgação da produção científica nas diferentes áreas do saber no UNINOVAFAPI é a Revista Interdisciplinar, de publicação trimestral, criada em outubro de 2008, registro no ISSN 1983-9413, Qualis B5 na área de Enfermagem, com 17 números publicados e 170 artigos das áreas de saúde, ciências humanas e tecnológicas, especialmente da Enfermagem. Outros meios de publicação da produção científica da IES são os Anais resultantes das Jornadas Científicas realizadas anualmente desde 2006, com 3.387 resumos publicados.

Para o desenvolvimento da Pós-Graduação, a Instituição adota como principais referenciais: observar, para a criação dos cursos, a condição básica de um corpo docente qualificado e as necessidades sócio-econômico-culturais do Piauí e região; estabelecer o número mínimo de vagas a serem oferecidas por curso, visando atender às exigências institucionais de qualidade desses cursos; assegurar, quando de interesse institucional e demanda regional, a criação de novos cursos, buscando recursos junto às Instituições de fomento à pesquisa e à pós-graduação; criar mecanismos de acompanhamento e avaliação dos cursos implantados, visando a manutenção do nível de qualidade e condicionar, para os docentes visitantes, a qualificação igual ou superior à do próprio quadro.

As estratégias básicas traçadas para a Pós-Graduação, visando um desenvolvimento organizado e sistemático dos Cursos, são as seguintes: oferecimento de condições para docentes qualificados participarem dos programas; desenvolvimento de planos de marketing, para a comunicação entre as comunidades interna e externa; implementação de Cursos de Pós-Graduação nas áreas de maior potencial acadêmico da Instituição, respeitadas as necessidades de mercado e aplicação de instrumentos para gestão, acompanhamento, controle e avaliação dos cursos.

Assim, as perspectiva de evolução e tendências do Programa de Mestrado Profissional em Saúde da Família são boas, pois, mesmo sendo um Programa novo, com apenas um ano e meio de existência, cada docente participa de grupo de pesquisa cadastrados no Diretório de Grupos do Brasil – CNPq, possui um projeto de pesquisa amplo dentro da sua linha de atuação, que envolve os projetos dos alunos do mestrado, das monografias dos alunos da graduação e também dos projetos do PIBIC, com boas perspectivas de publicação dos resultados dessas pesquisas, com vistas à melhoraria do conceito do Programa.